Olá. Acesse sua conta ou cadastre-se.

Sobre a Arte Reborn

 

Um pouco sobre essa linda arte

A arte Reborn se iniciou na Europa. Mais especificamente na Inglaterra, durante a segunda Guerra Mundial. 
Com todo o horror da guerra e em meio a tanta destruição, não é difícil imaginar que as famílias não dispunham de meios
para adquirir novos brinquedos para as crianças, que (naturalmente) precisavam brincar. 
Usando a criatividade, várias mães desmontavam sua bonecas antigas e até mesmo bonecas destruídas,
e as reformavam, criando novas bonecas para dar de presente às suas filhas. 
Daí o termo "Reborn Dolls" que significa bonecas renascidas.  
Era uma reforma caseira, com o simples intuito de tornar as bonecas "usáveis" novamente.
Porém, ao final da guerra foi possível vislumbrar um novo nicho de mercado, que com o passar do tempo  foi se
desenvolvendo de forma extraordinária, com o aperfeiçoamento das técnicas para dar mais realismo aos bonecos e disponibilizando aos "reborners" desde kits especiais para a fabricação dos bebês e tintas criadas exclusivamente para esta finalidade até incríveis mecanismos que possibilitam simular atividades inerentes apenas aos seres vivos, como respiração e até batimentos cardíacos. Com o fenômeno da globalização esta arte se difundiu por todo o mundo, inclusive pelo Brasil.  
Chegando de mansinho por volta de 2006, observa-se agora uma febre por estes bebês, que já viraram assunto de gente grande.
 

Processo de criação 

O processo de criação de uma boneca Reborn, pode ser feito em uma boneca (que tenha traços de bebê) ou em um kit próprio para a arte.     No caso de uma boneca, para começar ela é desmontada, removida a tinta e a cabeça é lixada para tirar as riscas de cabelinho.     No caso dos kits,eles já vem desmontados e sem tinta. Prontos para receberem a pintura, os olhinhos, os cabelinhos e finalmente serem montados. É composto por cabeça, pernas e braços e cada um tem um rostinho diferente.     Para que o bebê fique com um aspecto real, são usadas técnicas especiais de pintura que precisam de muito tempo de dedicação.     São feitas várias camadas e, após cada uma delas, o material é levado ao forno pois é pintado com uma tinta importada especial que fixa com o calor induzido. Essa tinta não desbota com o tempo e é esse o seu grande diferencial.     Em cada camada, o bebê recebe através da pintura, características extremamente parecidas com as de um bebê de verdade. Tom de pele, veias, micro vasinhos, rosados nas bochechas, mãos e pés, arroxeados, dobrinhas definidas, babinha na boca, olhos lacrimejando. E nos rescém nascidos, pequenas imperfeições características como manchinhas, brotoejas e bolinhas de leite, arranhõezinhos (pois um bebê real se unha sem querer) e até picadinha de pernilongo.     Depois de receber a pintura e os olhinhos (no caso dos bebês de olhinhos abertos), começa a parte mais trabalhosa. O implante dos cabelinhos que é feito fio por fio com uma agulha especial. E por fim, o bebê é montado com corpinho anatômico e articulado e recebe peso real de bebê com enchimento macio.
“Está pronto o seu bebê, feito de forma especial para uma pessoa especial.”

Um pouco sobre essa linda arte

A arte Reborn se iniciou na Europa. Mais especificamente na Inglaterra, durante a segunda Guerra Mundial. 
Com todo o horror da guerra e em meio a tanta destruição, não é difícil imaginar que as famílias não dispunham de meios
para adquirir novos brinquedos para as crianças, que (naturalmente) precisavam brincar. 
Usando a criatividade, várias mães desmontavam sua bonecas antigas e até mesmo bonecas destruídas,
e as reformavam, criando novas bonecas para dar de presente às suas filhas. 
Daí o termo "Reborn Dolls" que significa bonecas renascidas.  
Era uma reforma caseira, com o simples intuito de tornar as bonecas "usáveis" novamente.
Porém, ao final da guerra foi possível vislumbrar um novo nicho de mercado, que com o passar do tempo  foi se
desenvolvendo de forma extraordinária, com o aperfeiçoamento das técnicas para dar mais realismo aos bonecos e disponibilizando aos "reborners" desde kits especiais para a fabricação dos bebês e tintas criadas exclusivamente para esta finalidade até incríveis mecanismos que possibilitam simular atividades inerentes apenas aos seres vivos, como respiração e até batimentos cardíacos. Com o fenômeno da globalização esta arte se difundiu por todo o mundo, inclusive pelo Brasil.  
Chegando de mansinho por volta de 2006, observa-se agora uma febre por estes bebês, que já viraram assunto de gente grande.
 

Processo de criação 

O processo de criação de uma boneca Reborn, pode ser feito em uma boneca (que tenha traços de bebê) ou em um kit próprio para a arte.     No caso de uma boneca, para começar ela é desmontada, removida a tinta e a cabeça é lixada para tirar as riscas de cabelinho.     No caso dos kits,eles já vem desmontados e sem tinta. Prontos para receberem a pintura, os olhinhos, os cabelinhos e finalmente serem montados. É composto por cabeça, pernas e braços e cada um tem um rostinho diferente.     Para que o bebê fique com um aspecto real, são usadas técnicas especiais de pintura que precisam de muito tempo de dedicação.     São feitas várias camadas e, após cada uma delas, o material é levado ao forno pois é pintado com uma tinta importada especial que fixa com o calor induzido. Essa tinta não desbota com o tempo e é esse o seu grande diferencial.     Em cada camada, o bebê recebe através da pintura, características extremamente parecidas com as de um bebê de verdade. Tom de pele, veias, micro vasinhos, rosados nas bochechas, mãos e pés, arroxeados, dobrinhas definidas, babinha na boca, olhos lacrimejando. E nos rescém nascidos, pequenas imperfeições características como manchinhas, brotoejas e bolinhas de leite, arranhõezinhos (pois um bebê real se unha sem querer) e até picadinha de pernilongo.     Depois de receber a pintura e os olhinhos (no caso dos bebês de olhinhos abertos), começa a parte mais trabalhosa. O implante dos cabelinhos que é feito fio por fio com uma agulha especial. E por fim, o bebê é montado com corpinho anatômico e articulado e recebe peso real de bebê com enchimento macio.
“Está pronto o seu bebê, feito de forma especial para uma pessoa especial.”

×
×
×
×
×
×
×